/// Cloud Computing

Afinal, o que é SaaS?

As empresas que adotam o sistema SaaS se libertam de preocupações relacionadas às questões técnicas ou estruturais dos seus processos, saiba mais!

Data de Publicação: 06/09/2021

Tida como uma grande tendência no universo corporativo por conta das facilidades oferecidas, a sigla SaaS – Software as a Service, ou “Software como um Serviço” em português é um modelo de assinatura que comercializada e distribui softwares.

Em resumo, as empresas que adotam o sistema SaaS conseguem se libertar das preocupações relacionadas às questões técnicas ou estruturais dos seus processos com a utilização de recursos tecnológicos, pautados na conectividade.

Qualificado, principalmente pela agilidade, para adquirir o serviço, basta acessar determinado link, fazer o seu cadastro e realizar o pagamento para começar a dispor de todas as vantagens como redução de custos e otimização de tempo.

Siga com a gente e saiba tudo sobre SaaS, no artigo que a equipe do CodeBlog preparou para você.

 

O que é SaaS?

O Software como um Serviço nada mais é do que uma solução tecnológica que permite o acesso a programas e apps por meio na internet, sem a necessidade de instalações ou atualizações. As aplicações SaaS podem ser acessadas em vários aparelhos digitais como desktops, tablets ou smartphones, de maneira simples ou remota.

Além disso, nesse modelo, o cliente não compra a licença de um produto, mas sim o direito de utilizar os serviços de acordo com os pacotes adquiridos.

Dessa forma, todos os processos relacionados ao software como servidores e infraestrutura são encargos do fornecedor. Assim, o cliente apenas usufrui das vantagens, sem se preocupar com questões burocráticas.

 

Presença e consolidação

Provavelmente, você já utilizou serviços e produtos disponibilizados no formato SaaS sem nem ao menos se dar conta.

De acordo com os dados da ABStartups - Associação Brasileira de Startups, 44% das startups já operam dentro do modelo só no Brasil.

A Netflix, por exemplo, é considerada uma empresa SaaS, afinal, ela vende um software para os usuários assistirem a vídeos licenciados sob demanda com um sistema baseado em assinatura, em que é preciso escolher um plano e o pagamento fixo, que é realizado mensal ou anualmente.

Outras plataformas como o Paypal, o Spotify e o Deezer também são grandes empresas que exemplificam o modelo e evidenciam a simplicidade da sua utilização.

 

Principais benefícios da utilização do SaaS

Agora que você já tem uma noção sobre o que é o SaaS e como ele pode ser utilizado, confira a seguir os maiores benefícios mercadológicos e corporativos do formato.

 

Otimização

Sem dúvidas, um dos maiores benefícios do SaaS é a isenção da responsabilidade técnica do utilizador. Em outras palavras, o contratante do pacote de serviços não precisa se preocupar com a versão, funcionamento nem atualizações do software, afinal, a empresa que disponibiliza a ferramenta é totalmente encarregada pelo seu gerenciamento e pela garantia da segurança, bom funcionamento dos dados e pela disponibilidade de funcionalidades para atender à sua demanda de uso.

 

Economia

Ao contratar um SaaS, você acessa todas as aplicabilidades de um software tradicional, mas sem arcar com os custos de manutenção, infraestrutura e licença. Basta baixar um app ou fazer o cadastro na plataforma do software e realizar o pagamento para ter o acesso liberado.

 

Acessibilidade

Tudo o que você precisa para utilizar um SaaS é uma conexão com a internet. Ou seja, é possível acessar os serviços disponíveis em uma conta em diversos dispositivos e em qualquer lugar do mundo que tenha acesso a uma rede.

Devido ao seu armazenamento em nuvem, as informações de um SaaS não precisam ser transferidas de um aparelho para o outro. Assim, além de integrar as equipes e de facilitar a comunicação, as empresas também contam com maiores possibilidades para a implementação do trabalho remoto (uma forte tendência atual).

 

Personalização

Outro ponto forte do SaaS é a possibilidade de definir o melhor plano de acordo com as funções mais necessárias para o momento atual da sua empresa. Dessa forma, é possível escolher um pacote menor, com melhor custo benefício e, depois, fazer upgrades para ampliar os acessos e funções do software.

 

Integração

Ao contrário do armazenamento interno, nenhum dado ou informação integrados ao SaaS serão perdidos caso você fique sem o seu celular ou computador. Afinal, com o armazenamento em nuvem, você poderá visualizar, comentar ou, até mesmo, editar cada uma delas (de acordo com as permissões concedidas).

 

Enfim, curtiu saber mais sobre os conceitos e definições de SaaS? Se você deseja conhecer diversas soluções disponíveis para digitalizar os processos da sua empresa e facilitar o seu dia a dia corporativo, entre em contato com a equipe da CodeBit e confira todos os serviços oferecidos pelo nosso time de especialistas.

No mais, continue de olho no CodeBlog. Em breve, teremos muitas novidades por aqui.

Um grande abraço e até o próximo post!

Envelope fechado

Assine nossa Newsletter

Receba nossos conteúdos