/// Cloud Computing

Por que investir em um Saas é muito mais vantajoso do que comprar um software

O Saas além de englobar diversos tipos de soluções, ainda abre caminho para constante evolução. Saiba mais!

Data de Publicação: 01/10/2021

Sem dúvidas, o universo atual é movido pela praticidade.

Nesse contexto, tanto o cenário corporativo, quanto o filantrópico prezam por processos que envolvam automação, desempenho e escalabilidade. Afinal, é natural que os gestores estejam, a cada dia, mais preocupados em otimizar as ações e reduzir os gastos. Contudo, para isso, é necessário conquistar resultados mais rápidos e aumentar a produtividade gastando menos. Para atender às novas demandas mercadológicas e, até mesmo, pessoais, as ferramentas de cloud computing vêm ganhando relevância nos últimos tempos. Um bom exemplo disso é o Saas (Software as a Service), que, além de englobar diversos tipos de soluções, ainda abre caminho para constante evolução.

Siga com a leitura e descubra, no artigo preparado pela equipe do CodeBlog, por que investir em um Saas é muito mais vantajoso do que comprar um software.

 

Afinal, o que é Saas?

Também conhecido como Software as a Service ou, software como um serviço, em português, essa ferramenta, totalmente digital, oferece inúmeras funcionalidades em relação à segurança, à manutenção e à conectividade.

Em resumo, a solução permite que usuários se conectem e utilizem aplicativos baseados em nuvem pela internet. Entre os exemplos mais comuns estão e-mail, calendário e outras ferramentas.

Além disso, a partir de um software completo e on-line, é possível comprar uma base de acordo com a sua demanda e utilização do provedor de serviço de nuvem. As pessoas físicas e jurídicas podem alugar o aplicativo para que usuários se conectem a ele pela internet, geralmente, por meio de um navegador web.

Dentro do sistema Saas, a infraestrutura subjacente, bem como middleware, software de aplicativo e dados de aplicativo ficam armazenados no datacenter do provedor de serviços. Dessa forma, a empresa fornecedora gerencia o hardware, o software assegura a disponibilidade e a segurança do aplicativo e de seus dados.

Devido à praticidade e segurança do serviço, diversas corporações privadas e instituições do Terceiro Setor têm adotado o sistema, que proporciona muito mais benefícios quando comparado aos softwares tradicionais.

Saiba mais sobre as vantagens nos tópicos seguintes.

 

Economia

De fato, a aquisição de um software tradicional exige grande investimento por parte de uma empresa ou entidade para adaptar as demandas e garantir o funcionamento das operações. Na maioria dos casos, é necessário mobilizar especialistas em TI para realizar o monitoramento do sistema e prevenir possíveis falhas.

Por outro lado, ao investir em um Software como Serviço, a empresa detentora da solução fica integralmente encarregada da administração e do funcionamento da ferramenta.

Dessa forma, os custos são consideravelmente reduzidos, visto que não é necessário manter uma equipe de Tecnologia da Informação no controle do serviço. Além disso, os SaaS costumam ser mais flexíveis em relação ao tipo de investimento e se ajustam à demanda dos utilizadores. Em outras palavras, nesse formato, as mensalidades variam de acordo com o espaço de armazenamento, número de usuários, volume de transações, quantidade de acessos etc. Por isso, aqueles que não possuem receita disponível para investir em um módulo completo podem pagar apenas pelos serviços que utilizam, evitando, assim, desperdícios e gastos não essenciais.

 

Automatização

Um dos maiores benefícios do Saas é a questão da automatização. Isso porque, todas as atualizações são realizadas diretamente pela empresa fornecedora, de maneira prática e descomplicada. Ao contrário dos softwares licenciados, o Software como serviço não exige aquisições adicionais nem longas instalações para operar de forma efetiva.

 

Segurança

Ao adotar o Saas, muito dificilmente as informações armazenadas serão perdidas ou extraviadas, afinal, a solução é extremamente segura.

Contudo, ao contratar o serviço, é necessário verificar a confiabilidade da empresa provedora e, principalmente, analisar alguns fatores para configurar o nível de proteção oferecido, como a procedência dos servidores, que devem ser devidamente certificados por entidades reguladoras e dentro de todos os parâmetros ideais de segurança.

 

Flexibilidade

Por fim, mas não menos importante, é preciso destacar que, de nada adianta investir em equipamentos modernos, e ignorar a necessidade da automatização de processos que garantem uma equipe mais conectada e uma administração mais assertiva.

Nesse cenário, é preciso entender que os sistemas são vitais para a sobrevivência de uma empresa ou entidade, mas é possível assegurar mais produtividade, e, principalmente, flexibilidade com o serviço, que pode ser adquirido por valores competitivos.

 

Conclusão

A tendência é que, graças à diminuição de gastos e aumento da produtividade, o SaaS se popularize cada dia mais nas empresas e entidades que queiram tornar seus sistemas e suportes mais modernos e tecnológicos.

Sem dúvidas, o investimento nas soluções de serviço em nuvem é ideal para entidades que desejam dispor de um serviço de qualidade por um preço acessível.

 

Se depois de descobrir todas as vantagens, você deseja saber mais sobre a solução e como ela pode impactar nos seus negócios, clique aqui e entre em contato com o time de especialistas da CodeBit.

Será um grande prazer falar com você!

No mais, continue de olho no blog. Em breve, teremos muitas novidades por aqui.

Um grande abraço e até o próximo post!

Envelope fechado

Assine nossa Newsletter

Receba nossos conteúdos